Previsível






Tudo parece tão previsível tratando-se dela,
As pessoas preocupam-se com seu bem estar,
Com sua saúde física e mental de verdade.

Sua família anseia por mudanças,
De certa forma,
Todos a aconselham incansavelmente,
Tentam orientá-la,
Tentam ampará-la,
Tentam confortá-la para que perca o medo de enfrentar o desconhecido,
Medo ou comodismo de arriscar-se para o novo?
Talvez nem ela saiba a palavra exata que a descreva.

Vive um relacionamento devastador,
As pessoas a sua volta sofrem da mesma forma,
Esperam ansiosas por alguma mudança,
Esperam que um dia ela diga Não a Ele.

Enquanto isso,
Perde a razão e a noção do que lhe causa mal,
É chantageada,
Humilhada,
Agredida tanto fisicamente quanto verbalmente.

Não sabe o que é brio,
Orgulho,
Ou amor próprio.

Vive inconscientemente dentro de um filme dramático,
Onde a personagem principal é Si mesma.

As vezes,
Tenho a impressão que ela só sabe viver se for assim,
Não há nada que possa ser feito sem o consentimento dela,
Só ela é capaz de mudar o roteiro,
As personagens,
O cenário,
E reescrever sua história.

Por enquanto, lamento!

O tempo está passando e continua vivendo a história de um filme nada original,
Pelo contrário,
Infelizmente esse filme é igual a história real de tantas mulheres.

Melancólico,
Violento,
Incerto,
Com final trágico e infeliz,
Tão obviamente,
Previsível...



Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

2 comentários:

  1. Boa noite, querida amiga Vanessa!
    Um texto muito bem escrito e é uma dura realidade.
    Creio ser possível um reverterio pois nada nesta vida é impossível aos olhos divinos.
    Tenha dias felizes e abençoados!
    Bjm fraterno e carinhoso de paz e bem

    ResponderExcluir
  2. Triste, profunda situação e o fim é mesmo previsível! beijos, chica

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações