No escuro do quarto


                                   




Agora,
Só agora,
Nesse instante,
Quero mergulhar no castanho de águas profundas dos seus olhos,
Só agora,
Nesse minuto,
Envolventemente,
Quero esquecer de tudo que não seja seu corpo,
Só agora,
Quero que o tempo pare,
E que a noite não tenha fim,
Particularmente,
Nesse minuto,
Nada mais importa,
Só agora,
Sem demora,
Enlouquecidamente,
Em êxtase,
Nesse instante,
Estonteante,
Meu batom vermelho é arrancado da boca.

Abro os olhos e pela janela vejo no céu estrelado,
A lua cheia brilhante nos reverenciar.

Fecho os olhos,
Nada mais importa,
A lua guardará nosso segredo,
Agora,
Só agora,
Nesse momento,
Sem demora,
Nossas essências são misturadas,
No escuro do quarto,
Nesse instante,
Apaixonadamente,
Sem fim,
Você em mim...


                                                                         
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

6 comentários:

  1. Belo...deliciosamente sensual!..
    Ler VC é um doce fascínio!...
    Beijos...
    AL

    ResponderExcluir
  2. Simplesmente divino,e vc continua
    com as belas e perfeitas palavras
    Bjuss
    Rita!!

    ResponderExcluir
  3. Que profundo, cheio de sentimento é
    o amor pairando sempre
    Bjusss

    ResponderExcluir
  4. Bela confissão! Impregnada de sensualidade!
    Gostei deste passeio que fiz pelo teu espaço sagrado.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. Um poema de amor cheio de sensualismo.
    Gostei!
    Boa semana.
    Beijinhos
    :)

    ResponderExcluir
  6. Agora só agora queria que tudo voltasse no tempo, agora só agora queria fazer tudo diferente, agora só agora queria fazer reviver esse sentimento que um dia disse existir.

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações