O Pulsar do Coração



Toda vez que o coração paira no ar,  
Ele dança suavemente,
Uma dança harmoniosa,
E Inexplicavelmente contagiante.

A paixão que no principio o envolve dispara seus batimentos,
E o amor que vai permanecendo sem regras e imposições,
Aos poucos, o faz pulsar de uma maneira única e pura,
Como se nada mais fizesse sentido,
A não ser a vontade de amar sem cessar.

Toda vez que o coração paira no ar,
É porque uma nova história tem que ser escrita,
É porque um novo desfecho tem que ser traçado.

E porque a vida talvez seja simples assim,
Uma misto inconstante de começos e fins...


                                                                        
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

Um comentário:

  1. Que belo poema, Vanessa! Com direito a "gran finale"...
    Amei

    ABÇ
    JAN

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações