Prisão Sem Muros




Como é difícil decidir,
É bem mais complexo do que imaginava.

Os pensamentos que flutuam sobre minha cabeça,
Dançam sem ritmo ao meu redor,
Desconcentrando-me!
Atordoando-me!

Tenho duas escolhas:
Ou caio definitivamente,
Ou subo urgentemente,
Mas a dúvida corrói-me.

Atirei-me em um precipício escuro,
Mas cansei de cair em queda livre,
Agarrei-me em uma pedra,
Mas ainda não decidi se quero subir até a superfície.

As vezes penso que deveria lançar-me novamente,
De uma vez por todas!
E cair sem preocupar-me com o fim,
Mas posso pagar um preço alto por tal inconsequência.

Ao mesmo tempo,
Sou dominada pelo medo de decidir,
Não sei se o certo a fazer é subir ao topo,
E correr  para o raio de luz que avisto de onde estou,
Ou se permaneço imóvel na escuridão da indecisão que aprisiona-me ali...

                                                                        
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

6 comentários:

  1. Intensidade... Decisão difícil, mas é sempre melhor procurar a luz... Bela inspiração! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Ir ao encontro da nossa felicidade requer mesmo altas decisões... Mas, creia, sempre valerá a pena, pois o pior é ficar pensando:- se... se eu tivesse... Enfrentamento deve ser o foco.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Olá Vanessa.
    Gostei muito do teu Prisão Sem Muros, um belíssimo poema. Parabéns.
    Abraços.
    Pedro

    ResponderExcluir
  4. .♥.♥ As decisões muitas vezes pesa..mas nunca è
    tarde pra ser feliz, siga seu coração e corra pra
    felicidade....A vida é bela ...bjussss .♥.♥

    ResponderExcluir
  5. Momento crucial na vida das pessoas, passamos por isso muitas e muitas vezes. Mas á luz sempre é o melhor caminho. Belo escrito maninha como sempre..

    ResponderExcluir
  6. Nem sempre é fácil tomar certas decisões, mas é necessário para poder seguir em frente.
    Maravilhoso poema
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações