Fenix




Olá Caros Amigos e Leitores,


Desculpe-me pela ausência, 2015 foi um ano turbulento de grandes perdas materiais, isso abalou-me emocionalmente, confesso que não consegui canalizar energia para escrever, pelo contrário, faltou-me inspiração e vontade.
Mas não poderia deixar de vir até aqui, nesse espaço que tanto amo para desejar-lhes um  Natal iluminado e um Ano Novo cheio de saúde, paz, amor, esperança, alegria e grandes realizações para todos nós.


Despeço-me de 2015 com esse texto.



 Fenix


Olhava a chuva que caia lá fora e perguntava-se porque passava por aquilo tudo,
Perguntava-se, será que merecia aquela situação?
Refletia sobre seus atos,
Argumentava consigo mesma,
O que será que havia feito de tão ruim?
Tinha que ter alguma resposta,
Alguma coisa que consolasse seu coração.

Lembrou-se de cada instante daquela noite,
Do barulho ensurdecedor daquele caminhão desgovernado chocando-se contra seu carro, Arremessando-o contra as barras de ferro do acostamento da estrada,
Barras salvadoras que protegeram-na de capotar e de cair num desfiladeiro frio e sombrio.
Lembrou-se do momento em que voltou para a casa destruída, exatamente como seu carro.

Foi nesse instante que algo surpreendente aconteceu.

Era como se um anjo soprasse baixinho ao seu ouvido, “Nos segundos em que a lataria era destruída, minha missão era que você permanecesse intacta”



                                                                         

Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

10 comentários:

  1. Minha filha sei o quanto essas palavras nos deixa triste, e foi assim mesmo com vc, mas sabemos que naquela hora um anjo do senhor passou e te segurou pelas mãos, e hj vc está aqui , carro vc consegue outro mas eu não conseguiria outra filha, espero que em 2016 tudo seja diferente, nova vida ,novo trabalho e muita vontade de viver, amo amo amo boas festas e junto da Madrecita aqui venceremos até mais!!1

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Vanessa!
    Vc me fez chorar... Deus deixou destruir minha lataria mas me permitiu ficar intacta neste ano...
    Tenha um Natal abençoado e feliz!
    Bjm festivo

    ResponderExcluir
  3. Um anjo a protegeu.
    Vanessa, por mais difíceis que sejam os problemas, eles não vão durar para sempre, e logo o sol da esperança e alegria voltarão a brilhar no seu caminho.
    Desejo-lhe um Natal muito Feliz e que o Novo Ano seja pleno de alegria, saúde, paz e amor.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  4. Minha irmã lendo sua palavras lembro da cena do local do acidente vc nem imagina como agradeci a Deus quando a vi em pé e de pé vc se reerguera.
    Deus tem um proposito na sua vida por isso naquele instante el a manteve viva.
    Belo escrito como sempre "Fênix"....bj te amo e te desejo um 2016 renovador pois merece tudo de bom.

    ResponderExcluir
  5. Um feliz ano novo para ti Vanessa! Que lhe venha muita inspiração, renascimentos, paz, serenidade e amor!

    Grande Beijo!

    ResponderExcluir
  6. obrigada pelas visitas e comentários ao longo do ano.
    desejo um bom ano de 2016.
    um beijo
    :)

    ResponderExcluir
  7. Olá, Vanessa, que lindo texto! Você por acaso é a protagonista da história?
    Desejo que seu anjo esteja sempre a postos para defendê-la.
    Também estive mais ausente do que gostaria, mas quero agradecer sua companhia e presença durante o ano, seu carinho, que 2016 traga inúmeras surpresas agradáveis na sua vida! Abraços, tudo de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bia, sim isso aconteceu comigo..

      Obrigada por sempre estar por aqui, feliz ano novo!

      Excluir
  8. Auguri per ogni sorriso che ti farà star bene, per ogni sogno che vorrai realizzare, per ogni bacio che ti scalderà il cuore. Buon anno!

    ResponderExcluir
  9. Oi amiga, vim lhe desejar uma excelente semana, beijos e fique com Deus!!

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações