O Admirador




Ele a conheceu na adolescência, o rosto daquela garota havia sido tatuado em seus pensamentos, ela era indecifrável e inatingível, no fundo sabia que jamais a teria, por mais que a desejasse, ela jamais seria sua.
Uma dia, caminhava pela rua e a avistou em frente ao portao da sua casa, suas pernas tremeram não saiam do lugar, não conseguia ir para frente e nem para trás, era como se algo o travasse no chão. Olhou-a por algum tempo sem que ela o percebesse, depois foi embora sentido.
A imagem dela o acompanhou por longos anos, o tempo passou, a modernidade chegou e através das redes sociais conseguiu seu contato, e ela aceitou sua amizade.
Ele disse o quanto a admirava, o quanto ele a idolatrou, havia passado a vida inteira tentando encontrar alguém que fosse semelhante a ela, como um feitiço em todos os rostos via o dela, todas as mulheres lembravam ela.
Eles mantinham uma amizade, mas ela havia sido muito sincera sobre seus sentimentos e confidenciou a ele seus amores, não se espantou ao saber dos seus gostos. Ela havia sido bem clara que jamais teriam algo além da amizade e ele aceitou.

Dentro do seu coração, ela ainda continuava a ser aquela garota por quem ele havia se apaixonado, mas compreendia que ela era inatingível, não por ser melhor ou  superior a ele, mas porque gostava de buscar seu próprio reflexo em outras mulheres...



                                                                                                   
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

4 comentários:

  1. Olha que encanto de amor acho que ficou
    pra sempre na memória desse admirador
    São palavras bonitas

    Bjuss de bom final de semana

    Rita!!

    ResponderExcluir
  2. Tanta gente vive amores assim, amores que vão ser lembrados pra vida inteira.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Um amor platônico e a perfeição que ele viu nela foi pq nunca tiveram nd.
    Quem nunca teve um amor não correspondido e em algum momento da vida
    ficou imaginando a maravilha que seria se tivesse dado certo, mas será??
    Amei o conto com certeza a ficção imita a realidade...parabéns maninha.

    ResponderExcluir
  4. amores não correspondidos...sempre existiram e assim se vão manter...

    belo texto.

    beijinho

    :)

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações