O Primeiro de Todos os Outros Anos



A chuva mansa que cai lá fora mistura-se as minhas lágrimas,
Hoje faz um ano que você  partiu, e a dor permanece cortando-me em mil pedaços.
Essa  “dor” agora faz parte do meu viver, assim como a saudade que mata-me aos poucos.
Não tenho alternativas, tenho que aprender a conviver com sentimentos que desconhecia.
Essa sensação Indescritível de dor, vazio, saudade e desespero ao mesmo tempo, consome lentamente meus sentidos.
Só o que ainda faz sentido, é um amor intransferível e imutável que tenho dentro do peito,
Aonde quer que esteja, saiba que esse amor inexplicavelmente, me levará até você...



                                                                                       
Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

6 comentários:

  1. Um dia triste para meu coração e a
    saudade continua sempre doendo dentro
    do peito, um ano passou rápido e a dor continua
    mas tenho que ser forte e continuar é assim que vc
    quer ver.......Choro .........As palavras ficaram lindas
    aqui e sei o quanto ela era importante pra vc bjussss

    Boa semana apesar de tudo!!!
    Rita!!

    ResponderExcluir
  2. Essa saudade é grande e ficará! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Que lindo maninha é ler e se emocionar que saudadesssss.....nossa.

    ResponderExcluir
  4. Pode acreditar minha querida, que ela sente todo seu amor
    e continua te amando também. Um bj

    ResponderExcluir
  5. Tem saudades que não podemos negociar, elas se enraízam e fazem este sofrer.
    Triste e real mas que o amor sobreviva pelas emoções.
    Abraços amiga.

    ResponderExcluir
  6. uma maneira de lembrar.
    a saudade fica e fica também os os bons momentos.
    beijinho

    :)

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações