Espelho Invertido




Sim, claro que sou perfeita,
Só tenho qualidades,
Só ouço o que quero,
Por isso não me pergunte nada,
Só conheço o meu mundo,
Ele me basta!
Sei apenas dos meus desejos e das minhas vontades,
Se eu estiver feliz,
Com certeza todos a minha volta estarão!
Amo-me com loucura,
E todos também me amam,
Porque sou linda,
Sou a melhor em tudo,
Tudo o que faço é maravilhoso e indiscutível,
Sou o centro das atenções e nada mais importa,
Sou essencial e fundamental na vida dos outros,
Sou a the Best,
Conhecida como a rainha da cocada preta.


De repente percebi que estava escrevendo com o espelho invertido,
Para o meu alívio, tudo era ao contrário,
Ao invés de descrever-me,
Descrevia você...


Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

26 comentários:

  1. Muito bom texto, somos o que vemos nos outros, assim dizem muitos estudiosos como os psicólogos!
    Abraços minha linda poetisa!

    ResponderExcluir
  2. Espelhos que dizem sobre nós são fontes de enriquecimentos e amores! abraços

    ResponderExcluir
  3. Oi rainha da poesia
    Tudo que pensa e transporta num papel ou num computador é lindo, criativo e inteligente.
    Beijos minha poetisa
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  4. De... pessoas... The Best... quero distância... não me afino!! Ainda bem, Vanessa que era seu espelho invertido! Muito sábia sua jogada para mostrar-nos o ridículo de quem pensa assim.
    Bj. Célia.

    ResponderExcluir
  5. Acho que o título tirou a surpresa do poema. Mas bem legal!

    ResponderExcluir
  6. Se foi resposta para alguem, fez isso com grande estilo!

    :D

    ResponderExcluir
  7. ‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿
    Um dia de sol e calor ,venho agradecer todo seu carinho e deixar o meu, por estar sempre no meu Cantinho
    com suas palavras de incentivo,
    Parabéns pelo belo post, desse espelho invertido, eu fiquei feliz por esse poema tão sublime
    Abraços
    Rita!!!!
    ‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿

    ResponderExcluir
  8. O duro que conheço pessoas assim que se acham é tão triste né, gostei demais loirinha.

    ResponderExcluir
  9. Vanessa Querida que lindo e sábio texto o fechamento foi uma pancada no extremismo da vaidade ...perfeitamente claro e forte ...para fazer alguns refletirem ...!!!Se é que possuem coração !!! parabéns e um grande Beijo Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  10. Muito interessante a abordagem poética. E a idéia. Gostei muito do final surpreendente. Espelho. Imagem invertida. Um bom poema, parabéns!

    ResponderExcluir
  11. O poema está excelente! Mostra a realidade de pessoas que se orgulham e bate no peito e diz que é o(a) tal.
    Bj, bom feriado e final de semana...

    ResponderExcluir
  12. Poema muito inteligente o seu Vanessa.

    Quero agradecer novamente a você pelo carinho que tem pelos meus textos, fico sempre muito feliz e grata com sua visita em meu blog.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Querida amiga,

    Meu silencio tem sido longo.

    Mas não tem sido por esquecimento, mas sim por conta dos acontecimentos do dia a dia.

    Quero muito agradecer a sua presença amiga lá no meu cantinho, a qual trás muita alegria para o meu coração.

    Que Deus a abençoe, e realize todos os seus sonhos e projetos.

    Uma linda semana para você coberta de muita paz e Amor!

    Abraço Amigo

    Maria Alice


    ResponderExcluir
  14. Quantos olhares invertidos, estão a "espiar" pelo mundo. Linda, a imagem contrária: a sua!

    Estive a voltear, por este rico espaço, onde a muito não vinha. Lindo, "Palavras Colorida", para a sua mana. Parabéns, a ela e a você.

    Beijos,
    da Lúcia

    ResponderExcluir
  15. Um post muito inteligente, o espelho pode (des)enganar no reflexo...
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Que profundo!!!
    Muito criativa a ideia da inversão.
    Magnífico!
    Boa quinta-feira!

    ResponderExcluir
  17. Vanessa..

    Que lindo,

    Uma forma de se encontrar e ao mesmo se perder , uma maneira misteriosa de falar de si mesma e se encontrar em outro...

    Amei...

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Nossa, esse texto ficou muito interessante, Vanessa!
    Gostei da inversão no final dele. Muito criativo! Como tudo o que você escreve, minha amiga!

    Muitos Beijos!

    ResponderExcluir
  19. fantástico. Gostei desse sentido de humor. abraços

    ResponderExcluir
  20. Olá, Vanessa.
    Excelente texto; apesar dele ser um exercício de imaginação, lamento lembrar que existem pessoas que pensam e agem desta forma realmente.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  21. Oi, Vanessa. É interessante...conforme ia lendo seu texto, pensei "puxa, eu queria ser assim, mas não sou..." e no final me surpreendi. Acho que também sou um espelho invertido. Um abraço!

    ResponderExcluir
  22. É tão triste quando encontramos pessoas assim né? Que acham que o mundo deve girar ao seu redor somente..
    Adorei o poema..
    Beijo e uma tarde especial viu?

    ResponderExcluir
  23. Olá Vanessa, amei o seu Blog, fiquei fascinada pelos seus poemas, ainda não pude ler todos, mas este simplesmente fantástico, e também discordo de alguns comentários acima. Pois mesmo que estivesse falando de você... genial!!! Temos mesmo é que nos amar, nos achar linda, feliz e amada, nos valorizar, mas sem querer ser a tal evidentemente, jamais passar por cima de outros, nada de arrogância, mas ser isso tudo com humildade e doçura, e tenhas certeza que todos a sua volta estarão felizes também, afinal você estará emanando somente energias boas. Eu gosto de gente que se gosta, que se ama, e é feliz, do contrário essa pessoa será uma chata!
    Obrigada amiga pelo seu comentário no Blog. do J.R Viviani, onde participei do 1ºProsas Poéticas.
    Beijo nessa sua alma linda!
    Clarice Moreno

    ResponderExcluir
  24. já vi seu nome várias vezes em comentários pela blogosfera!
    deixo aqui meus parabéns pelos posts cheios de magia,sutilezas e beleza!

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações