O Segredo do Homem da Túnica Branca


Ele era um homem misterioso,
Ela não sabia nada sobre ele,
Nem onde morava e o que fazia,
Mas aparecia sorrateiramente toda vez que ela estava em perigo.

Uma vez a salvou quando ela perdeu-se na floresta,
De longe indicou-lhe o caminho que a levaria de volta ao vilarejo,
Outra vez deixou uma garrafa de chá na porta da sua casa,
Com uma carta dizendo que se tomasse, ficaria curada da sua enfermidade,
E assim ela o fez e curou-se da pneumonia.

Uma outra vez, a impediu de prosseguir com a carruagem que ela conduzia,
Ele assustou-a com sua atitude,
E ela precisava urgentemente atravessar a ponte,
Mas ele permanecia em frente aos seus cavalos,
Enquanto ela com medo gritava desesperadamente para ele ir embora,
Até que a ponte cedeu e caiu sobre as águas frias do rio,
Ela olhava-o incrédula,
Ele fez um sinal para que ela pegasse um atalho,
E assim ela o fez,
Saiu em disparada,
Seu corpo tremia de medo,
Mas quando chegou em casa sentiu-se aliviada,
Por ter sido salva por aquele estranho mais uma vez.

Uma dia percebeu que ele a seguia na floresta,
Ela decidiu que faria contato pela primeira vez,
E assim o fez,
Gentilmente, disse a ele que gostaria muito de conhecê-lo
Ele usava uma túnica branca e deixava toda a cabeça coberta,
Era impossível vê-lo,
Seu rosto sempre permanecia escondido,
Então curiosa aos poucos aproximou-se,
Enquanto ele permanecia parado,
Quando ela chegou bem perto tocou em seu braço,
E disse que gostaria de ver seu rosto,
Ele levantou a cabeça e olhou-a fixamente,
Ela boquiaberta, não acreditava no que seus olhos viam,
Seu corpo tremia e seu coração estava disparado dentro do peito,
Ela continuava imóvel quando ele afastou-se lentamente,
Antes de desaparecer entre as árvores,
Pediu a ela que contasse aos outros que ele era real,
Quando ele sumiu,
Ela saiu do transe, piscou os olhos e lágrimas rolaram pela sua face.

Depois daquele dia ele nunca mais apareceu,
Mas tinha certeza que ele sempre estaria presente,
A figura daquele homem não saia da sua mente,
Jamais o esqueceria, mas tinha medo de contar aos outros o que viu,
Ninguém acreditaria, poderiam até chamá-la de louca, pois ninguém o tinha visto, 
Apenas ela,
E ela sabia perfeitamente que ele estava vivo e que era real.

Decidiu então escrever um livro que teria por título,
“ O Segredo do Homem da Túnica Branca
Precisava dividir sua descoberta, de certa forma revelaria através da escrita todos os anseios do seu coração.
Deu-se conta, que somente em forma fictícia poderia contar seu segredo e dizer a todos que aquele homem era Jesus...






Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

19 comentários:

  1. Oi Vanessa!
    Saudade!
    Isso é mais que um conto, é uma novela que não vemos a hora de chegar o outro dia para assisti-la até o final feliz.
    Parece que é roteirista...Minha Vanessa.
    Não sei, você pode ser o que quiser.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  2. Lindo lindo
    Magnifico
    Esse eu tbém quero por perto sempre
    Você em forma de poema deixa a gente
    bem extasiada por colocar palavras
    certas nos momentos certos
    Abraços de boa tarde
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  3. Que bonito esse conto acredito que muitas pessoas façam isso mesmo escrevem de uma forma fictícia seu encontro com Jesus por medo de os acharem loucos.
    Parabéns pela criatividade loirinha.

    ResponderExcluir
  4. OI VANESSA!
    UMA BELA INSPIRAÇÃO, COM CERTEZA DITADA PELO CORAÇÃO, POIS QUANDO FALAMOS "DELE", ACHO QUE NÃO É POR ACASO.
    SE FORES AO MEU BLOG, VERÁS QUE EM MEU ÚLTIMO TEXTO TAMBÉM ESTOU FALANDO EM NOSSO MESTRE "JESUS".
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  5. Vanessa eu sempre fico tão feliz com seus comentários em meu blog.

    Mais um poema lindo cheio de amor. Jesus que está sempre conosco *.*

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi Vanessa, lindo conto, Ele está sempre presente dentro de cada um de nós, é só seguir com fé na Vida!
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Oi Vanessa, que lindo texto!!
    As pessoas sensíveis sempre
    sentem com mais facilidade as companhias espirituais, como é
    bom quando já percebemos que
    estamos sempre sendo cuidados por
    ELE que nunca nos desampara.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá minha cara amiga,
    Com satisfação lhe comunico que saiu a programação do 1º Prosas Poéticas; saiba em que dia será feita a sua apresentação.
    Um abraço e até mais!

    ResponderExcluir
  9. Olá Vanessa. Que história bonita, e real. Jesus está sempre perto de nós, a acompanhar-nos e a protejer-nos. Nós por vezes é que nos afastamos do Seu caminho. Obrigada por me lembrar como o Amor Dele é incomensurável.
    Beijo carinhoso.
    http://falandocomosmeusbotoes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Minha amiga! Que texto lindo e surpreendente! Obrigada pelo carinho e pelos comentários sempre tão gentis!
    Desculpe pela demora em responder!....
    Um abençoado e feliz final de semana!
    Abraço carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Bela parábola. Li com prazer. Um poema muito interessante. Um bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  12. Vanessamada,

    Paz, por demais!
    Tenho um recado dEle pra você:
    Ele diz nunca ter esquecido de você e que te chamou pelo nome mesmo quando estavas no ventre da Rita.
    Quer saber: Ele foi quem primeiro te amou.

    Ele te conhece muito bem.
    Conhece seus segredos, seus temores;
    Sabe o que se passa com você;
    Conhece sua angústia, suas dores.
    Ele sabe do seu dia-a-dia.
    Te guarda e você não quer entender.
    Você não diz, nem mesmo, obrigado, Mas sabe ele se importa com você.
    Ele chora quando você chora;
    Sente a sua dor o seu sofrer.
    Padeceu, morreu lá numa cruz e
    Por amor fez tudo por você.

    Como é maravilhoso ouvir falar de Jesus! Mais ainda do modo que você falou.
    Que ele continue a te abençoar abundantemente.
    Alberto

    ResponderExcluir
  13. Que bonito, Vanessa!
    Gosto muito dos seus poemas porque eles são cheios de esperança, sabia?
    E todos nós precisamos tanto disso!
    Um beijo enorme e obrigada pela linda poesia.

    ResponderExcluir
  14. Vanessa, querida, lindo conto que me trouxe uma delicosa leitura.
    Ter esse homem ao meu lado é o que sempre quero. No real ou na ficção é muito bom falar de Jesus!

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Vanessa emocionante quando sai o livro mesmo? Esse ano espero seus fãs aguardam..rs

    ResponderExcluir
  16. Maravilhoso conto Vanessa, que bom que Jesus está sempre ao nosso lado, quando precisamos Ele está lá, do nosso lado, por isso que eu não largo o meu Jesus, Vanessa fique com Deus beijos.

    ResponderExcluir
  17. Bom dia Vanessa,

    Começei a ler e não consegui parar, é perfeito esse texto, não vemos a hora de chegar esse dia para conversarmos pessoalmente com Jesus, ele é real. Adorei :)

    ResponderExcluir
  18. Que lindo, Vanessa. Ainda que não possamos vê-lo em sua forma material, Jesus sempre está lá, nos momentos mais sombrios. Lindo domingo!

    ResponderExcluir
  19. Olá, Vanessa.
    Emocionante o seu post, parabéns.
    Abraço.

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações