Sua Escolha




Como eu queria tirar a sua dor,
Seus lamentos e suas angústias,
Como eu queria ver novamente em seus olhos aquele brilho,
Aquela luz que transcendia pelos seu poros.

Queria colocá-la em meu colo,
Afagar seus cabelos,
E dizer-lhe ao pé do ouvido que seu mundo pode ser diferente,
Como eu queria pintar na tela da sua vida,
As cores da esperança, da paz, do amor e da alegria.

Como eu queria dizer-lhe,
Que ainda há tempo,
Que ainda há saída e solução.

Ah! Como eu queria que você entendesse,
Que tudo o que acontece na nossa vida é porque permitimos,
E consentimos,
Como eu queria que você entendesse,
Que tudo pode ser modificado a qualquer momento,
Que a cada minuto, tudo pode ser decidido.

Como eu queria nesse exato momento,
Abrir as janelas da sua alma,
Para que você pudesse enxergar tudo a sua volta,
Além da visão estreita dos seus olhos.

Como eu queria que você acreditasse mais em si mesma,
E enxergasse,
A luz que ainda brilha dentro do seu peito.
Ah! Como eu queria que você puxasse a corda do seu para quedas,
E parasse de cair nesse abismo imaginário,
Como eu queria que você dissesse basta, ao abismo que a consome.

Como eu queria que você compreendesse,
Que enquanto estivermos vivos,
Haverá sempre portas e janelas abertas,
Como eu queria libertá-la da sua prisão,
Mas infelizmente não posso!

Só você tem o poder de abrir a porta,
Que a libertará,
E para que você seja livre,
Basta fazer a sua escolha...


Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

29 comentários:

  1. Oii Vanessa, lembrei de uma amiga que está com uma séria depressão, me emocionei, queria muito tirar dela tanto sofrimento, cada linha do texto me fez pensar nela! Bjoooooooooss

    ResponderExcluir
  2. Bonitas palavras com ótima comparação
    mas somente um deve abrir a porta da felicidade...e o jeito é esperar.
    Um lindo poema, que fala das decisões do amor
    PaRaBéNs

    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  3. Se de sua escolha se arrepender
    Minha mão te vou dar
    Porque feliz a quero ver
    Mesmo sem a poder abraçar!

    Porque o ódio não resolver
    Aquilo que o coração não quer
    Quem por amor sofrer
    Quando se ama uma mulher!

    Boa segunda-feira para você,
    um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  4. Oi Vanessa, é isso mesmo, todos podem querer, mas cada um de nós tem que fazer sua propria escolha.
    Bjs e otima semana

    ResponderExcluir
  5. Uma escolha muitas vezes difícil de ser feita. Tem-se que acreditar muito na existência da porta.
    Um grande bj querida amiga

    ResponderExcluir
  6. Nossa Vanessa!
    Esse poema é demais, uns dos mais lindos que eu li.
    Nunca conseguimos mudar ninguém, cada um é único
    Parabéns
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  7. Que lindo poema!
    Nos sentimos consolados e abraçados.

    Um beijo grande xD

    ResponderExcluir
  8. Poxa vida minha irmã simplesmente amei, é verdade somente nós mesmos temos a chave para mudanças em nossa vida...bjus azuis loirinha.

    ResponderExcluir
  9. Olá Vanessa,suas palavras vieram de encontro ao meu coração, como eu estava precisando ouvir isso...
    Obrigada querida por compartilhar palavras tão sábias.
    Um beijo em você.

    ResponderExcluir
  10. Vanessa! Poesia linda! Coração altamente inspirado! Parabéns! Um abençoado início de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
  11. Boa noite Vanessa!
    Como seria bom ver todos felizes, bem assim como em seu lindo poema, com versos bem inspirados incentivando pessoas a se amarem, se darem,pois tudo está em nossas mãos somente!
    Abraços!
    Ivone

    ResponderExcluir
  12. Vanessa

    Isso é um processo de evolução que cada um tem que percorrer.
    Por muito que queiramos ajudar, nada podemos fazer a não ser apoiar e estar lá sempre para ajudar a levantar quando cair.
    E são as quedas que nos fortalecem.
    Tudo o que você pode fazer é estar e você está bem presente, pelo texto que escreveu.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  13. Vanessa, que poema maravilhoso! Simplesmente maravilhoso!
    A escolha é sempre nossa. Manter portas e janelas fechadas ou deixá-las abertas para a luz entrar. Cada um de nós tem a sua própria chave e o poder de decidir o que fazer com ela...

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Vanessa que lindo..
    "Só você tem o poder de abrir a porta, que a libertará, e para que você seja livre, basta fazer a sua escolha!"

    Esse deveria se tornar o nosso pensamento todas as manhãs.. porque são palavras de uma força sem igual..

    Adorei...
    Beijinhos viu?

    ResponderExcluir
  15. Lindo demais é real, nos fazemos nossas escolhas e as vezes isso pesa a vida toda.

    ResponderExcluir
  16. Show Vanessa!
    E é isso mesmo! Cabe a nós abrir as portas de nossos próprios casulos!
    Só assim se completa a irretocável conquista das liberdades, sejam materiais ou espirituais!
    Beijo carinhoso!

    ResponderExcluir
  17. Lindo poema de força e esperança! Vamos tentando em cada dia abrir um pouquinho dessa porta que nos dará a liberdade de ser.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderExcluir
  18. OI VANESSA!
    LINDO E EMOCIONANTE TEU TEXTO.
    QUANTAS PESSOAS, AMARRADAS A ERROS E QUE SE ACHAM PRISIONEIRAS SEM SE DAREM CONTA QUE PODEM SE LIBERTAR A QUALQUER MOMENTO, MAS, TE QUE QUERER FAZÊ-LO.
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  19. Sou fã de poesias (e de quem as escreve), e tu tens talento pra coisa!
    sabe usar as palavras adequadamente e o texto flui muito bem.

    Hey segue de volta e deixa um comment?
    www.diademegalomania.blogspot.com

    valeeeu

    ResponderExcluir
  20. Lindo seu poema, Vanessa. Talvez eu esteja a cair nesse abismo, tenho medo. Mas fica difícil decidir quando se tem a impressão de que todas as decisões que toma levam para o caminho errado. Um abraço!

    ResponderExcluir
  21. Vanessa, gostei muito do seu post, compreendo muito bem o que escreve. E realmente, a escolha é sempre de cada um de nós, só nós mesmos podemos mudar a nossa vida. Aos nossos amigos, tudo o que podemos dar é apoio, fazê-los sabe como são importantes para nós!
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá Vanessa, e que tudo esteja bem contigo!

    Belo e verdadeiro texto, elaborado com palavras regidas por sensibilidade e ponderação, parabéns pelo belo espaço e postagens!

    Certamente o criador nos concede fazer nossas próprias escolhas, e assim a fazemos. Também é certo que nem sempre acertamos na primeira vez, e, por este motivo não devemos nos desesperar, pois temos a oportunidade de refazer esta escolha, talvez a correta ou talvez não, mas, viver é assim, escolhemos uma direção e mais a frente percebemos não ser a ideal, e se não nos desviarmos tanto do caminho com certeza vamos enxergar outros caminhos para fazermos outra escolha pelo melhor, ainda que estejamos caminhando a beira do precipício!

    E assim eu agradecido por tua amizade e compartilhamento de belos pensamentos me vou daqui deixando um abraço e meu desejo que você tenha um viver de intensa felicidade, até mais!


    ResponderExcluir
  23. Querida amiga

    Quando as palavras
    encontram sentimentos
    que fazem com que elas
    encontrem seus sentidos,
    nossa vida se enfeita
    com as cores da esperança.

    Obrigado por sua amizade.

    Aluísio Cavalcante Jr.

    ResponderExcluir
  24. Olá, Vanessa :)
    Agradeço o retorno da visita, o comentário e os votos de congratulação... Seu poema possuí uma intensidade que a mesma aflição que envolve o eu-lírico parece também nos envolver e é exatamente isto que difere seus textos dos demais. É como se sentíssemos o que o personagem sente, como se ele, na verdade, fosse nós mesmo. Parabéns! Um abraço!

    ResponderExcluir
  25. Olá Vanessa, querida, há decisões que doem, que nos deixam perdidas, temerosas, mas é fato que só a propria pessoa tem o poder de tomá-las e iniciar uma mudança para o novo. Belissima Poesia! Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Sinto o mesmo com pessoa querida, sinto muito pelo o que acontece, gostaria de ajudar, mas não posso interferir e nem julgar as suas escolhas, peço a Deus que ilumine seu olhar e livre do mal, para que ela tenha forças para querer mudar algumas atitudes que traz sofrimento a ela mesma.

    ResponderExcluir
  27. Bonito este poema, e com uma mensagem verdadeira.

    Li um livro que se chamava "Vivemos livres numa prisão". É bem verdade...

    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Oi Vanessa. A vida é feita de escolhas, e mesmo quando aparentemente escolhemos mal, é a escolha necessária para a nossa evolução.
    Respondendo ao seu comentário, de facto a situação é verdadeira, mas temos que levar com boa disposição.
    beijo carinhoso.
    http://falandocomosmeusbotoes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  29. Olá, Vanessa.
    Certamente cada um de nós gostaria de poder ajudar as demais pessoas, trilhando com elas o caminho para o conhecimento e crescimento interior, mas não podemos fazer isso, podemos apenas mostrar o caminho.
    Abraço.

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Categorias

Arquivo

Visualizações