O Fogo e a Água




O orvalho misturava-se com a chuva que escorria pela janela,
A chuva molhava tudo lá fora,
Ao mesmo tempo,
Alagava-me por dentro,
Essas águas molhavam-me com a mesma intensidade que eu era queimada pelo fogo do meu coração,
Meus sentimentos incompreendidos queimavam e molhavam tudo por igual,
Num vai e vem de sensações absurdas,
O fogo que morava em mim apaixonou-se pela água que inundava-me, 
E a água achou graça no fogo por mantê-la aquecida, 
Encantada recusou-se a apagá-lo,
Permaneciam então envolvidos,
E desafiavam-se além dos limites,
Submersos na magia um do outro faziam borbulhas de amor no meu peito.

E da mistura incessante que queimava e molhava meu interior impiedosamente,
Inquestionavelmente fui surpreendida.

O fogo do meu coração de tão apaixonado ferveu a água da razão, causando em mim um efeito colateral irreversível:

"Entrar em ebulição até evaporar-me"...





Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

33 comentários:

  1. Olá Vanessa, boa tarde. Foi a minha primeira vez aqui no seu Blogue. Li algumas das suas produções e impressionaram-me. Sinceros parabéns. Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Vanessa! Adorei esse poema!
    A nossa eterna e maior contradição, a luta entre a razão e o coração, talvez possa mesmo criar um terceiro elemento... O ar, sem o qual não conseguimos viver!
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Olá!Bom dia!
    Tudo bem?
    ...eu penso que pode ter até um TERCEIRO elemento...porém creio que
    a vida é feita de escolhas e muitas sempre haverá este duelo entre razão e emoção, consciência e coração, e você muitas vezes precisa abrir mão de "um deles"...
    Boa semana!
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Beijos com carinho

    ResponderExcluir
  4. Adorei, essa mistura de sensações, quente, frio, vapor pairam em nós o tempo todo

    ResponderExcluir
  5. Vanessa: Amei o poema: é sutil e caloroso.
    Obrigada pela visita
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  6. Olá Vanessa, que união forte essa, só pode dar uma enorme ebulição mesmo, muito bacana! bjoooosss

    ResponderExcluir
  7. Venho desejar uma abençoada semana,
    também pedir sua presença no meu blog para
    nos unir em oração.
    Na postagem esta tudo explicado.
    Desde já Deus abençoe e seja bem vindo juntando -se
    a nos.
    Beijos no coração.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  8. Surpreendente.
    Gostei muito, fiquei mesmo encantado com este poema.
    Vanessa, querida amiga, tem uma boa semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Oh, belo poema, uito apaixonada!
    Um abraço para você, tenha uma semana esplêndida.

    ResponderExcluir
  10. Minha querida Vanessa,

    A eterna luta entre os elementos confundindo-se em seu interior...a razão em guerra com o coraçào,só poderia terminar nesta ebulição...e o evaporar-se,seria uma fuga?

    Bjsssss,
    leninha

    ResponderExcluir
  11. Oi, Vanessa, que lindo! Há água que apague esse fogo? Jamais, não há solução...Evaporar até se extirpar talvez seja a única saída. Estou-me a evaporar, talvez! Um abraço!

    ResponderExcluir
  12. ... evaporação... depois condensação... o ciclo da vida!
    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  13. Fogo e água, duas excelentes palavras para descrever - combinadas - o amor!
    Beijos, boa semana!

    ResponderExcluir
  14. Olá Vanessa, que lindo poema,
    haja criatividade!!!É a nossa luta,
    pelo equilíbrio, nem tanto ao céu
    nem tanto a terra.
    Parabéns, beijo

    ResponderExcluir
  15. Vanessa! Inspiradíssima! Nas mais das vezes o amor sempre vence a razão... Uma abençoada terça-feira, repleta de muita paz e alegria! Grande e carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Vanessa!

    A água e o fogo, linda história, lindo poema. Em astrologia diz-se que signos destes elementos não combinam, mas agora que a sua poesia penso que romanticamente falando tudo é possível, quando existe amor verdadeiro.

    Um beijo e parabéns,
    Cris Henriques

    ResponderExcluir
  17. O fogo e a Água me lembra o Sol e a Lua.

    http://alguemparaconversa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Vanessa olha só dessa duas misturas
    t]ao fortes acabou saindo um belo
    amor, ficaram perfeitas
    Eu como sempre fico aqui babando
    por tudo que vc faz
    Abraços com carinho Rita!!!!

    ResponderExcluir
  19. Belo e lindo, escreves com uma delicadeza de uma rosa, beijinhos e parabéns

    ResponderExcluir
  20. Vanessa, lindo jogo das palavras envolvendo os dois elementos fortes da natureza, pois é mesmo, há fogo que a água não consegue apagar, como na vida nada é sempre constante, ou até mesmo nada poderia nos surpreender tanto, que lindo esse poema, adorei!
    Abraços
    Ivone

    ResponderExcluir
  21. Olá Vanessa,

    Muito lindo seu poema. Eu sou fogo, eu amo o vermelho, o calor que o fogo produz. Eu amei o seu poema.

    Bjs

    http://marcia-pimentel.blogspot.com.br/2012/05/as-primeiras-paginas.html

    ResponderExcluir
  22. Vanessa, a conjunção dos dois principais elementos...
    Fantástico!
    Deixo beijos!

    ResponderExcluir
  23. Eu sou bem água e meu amor é fogo, um poema lindo que já esta entre os meus preferidos.

    ResponderExcluir
  24. Que coisa mais linda.. belíssima a sua metáfora. Adorei!


    Beijos.

    ResponderExcluir
  25. Boa tarde, Vanessa. Linda demais a construção do seu poema e inteligente também.
    Um coração aquecido com pura sensibilidade entrega-se à inundação do amor sem pensar em nada mais.
    Lindo, amei.
    Parabéns pelo seu blog.
    Um beijo na alma, e fique na paz!

    ResponderExcluir
  26. Vanessa sem duvida a inspiração foi total nessa obra de arte que escreveu, alguns nos tocam mais outros menos esse foi parar no fundo da minha alma, meus sinceros parabéns.

    ps: posso dar uma dica?
    me perdoe se estou comentando uma gafe mas LANCE UM LIVRO LOGO menina kkk estamos esperando rsrsr

    ResponderExcluir
  27. Lançarei sim Jorge, em breve aguarde!

    Obrigada a todos pelos comentários

    ResponderExcluir
  28. Nossa! este seu texto é tudo de bom. Lindo! Lindo!
    Um beijo grande
    Ainda estou pensando nele. Muito bom mesmo.

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo(a) aqui, comente, se expresse!

Deixe-me que Te Leia...


Voltem sempre e saudações a tod@s!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Não posso, não quero e não vou fugir do que sou, sou a soma de todos os meus atos, sou o resultado de tudo que fiz e vivi, e vivendo na intensidade de mim, me tornei única!



Vanessa Palombo

Visualizações

Arquivo

Categorias

Dados do blog

  • Online

  • Assinantes do blog

  • Pagerank

    PageRank
  • Direitos autorais

    myfreecopyright.com registered & protected